O Canto das Palavras


pensador.info ______________________________________________________________________________________

terça-feira, outubro 2

MINISTRO JOAQUIM BARBOSA; Um Cidadão Exemplar


O ministro Joaquim Barbosa é bem conhecido dos brasileiros. Elevado ao grau de celebridade ao humilhar publicamente o então presidente do STF, ministro Gilmar Mendes, em uma das mais polêmicas audiências do tribunal. Sem papas na língua, Joaquim Barbosa disse a Mendes o que muitos brasileiros queriam dizer a respeito da arrogância e da magnânima atuação de Gilmar Mendes (sempre para o lado dos poderosos) envolvendo casos de corrupção.

Agora, o ministro volta às manchetes jogando mais uma vez no ventilador ao desmascarar o descarado complô que é ensaiado pelos ministros do STF (a maioria indicada pelo PT) para causar a prescrição dos crimes do Mensalão; transformando em uma enorme pizza mal cheirosa o processo que poderia ser um marco na moralização da política nacional e destruiria boa parte da cúpula petista, ao colocá-la atrás das grades.

Tudo começou com uma entrevista "em banho-maria" do Ricardo Lewandowski, revisor do caso. Nessa entrevista, Lewandowski deixou escapar que o processo caminhava para a prescrição porque não haveria tempo hábil para julgá-lo. Afinal de contas, o ministro Joaquim Barbosa havia tido uma série de problemas de saúde e atrasara a entrega do seu relatório sobre o caso. Com a celeuma levantada pela imprensa, o presidente do STF – ministro Cezar Peluso – quis fazer "uma média" com a opinião pública e dar um ar de legitimidade ao complô que se anunciava. Mandou redigir um
ofício instando Joaquim Barbosa a acelerar o processo e enviar os autos para análise dos seus colegas o mais rápido possível.

Malandro... Cem anos de Lapa... E frequentador do Bar Luiz... O ministro Joaquim Barbosa sentiu que era preparado um cenário para culpá-lo pela prescrição do processo e tornar palatável para a opinião pública o desastre da impunidade dos canalhas mensaleiros. Como homem que honra seu posto e de coragem de sobra, Joaquim Barbosa pegou a "perna de anão" que lhe entregaram – embrulhada para presente – jogou-a para o alto e acertou em cheio o ventilador só STF. Com uma declaração bombástica, desmascarou todo o esquema armado para levar o processo à prescrição e inocentar a corja que se apoderou do país. Disse: "Os autos, há mais de quatro anos, estão integralmente digitalizados e disponíveis eletronicamente na base de dados do Supremo Tribunal Federal, cuja senha de acesso é fornecida diretamente pelo secretário de Tecnologia da Informação, autoridade subordinada ao presidente da Corte, mediante simples requerimento".

Ou seja, mostrou com todas as palavras que os ministros ignoraram o processo até agora simplesmente por preguiça ou por pura vontade de deixá-lo prescrever, garantindo a absolvição do pessoal. Joaquim Barbosa ainda critica "na lata" a falácia de que está "atrasado" com o processo: "Com efeito, cuidava-se inicialmente de 40 acusados de alta qualificação sob os prismas social/econômico/político, defendidos pelos mais importantes criminalistas do país, alguns deles ostentando em seus currículos a condição de ex-ocupantes de cargos de altíssimo relevo na estrutura do Estado brasileiro, e com amplo acesso à alta direção dos meios de comunicação". Continua: "Estamos diante de uma ação de natureza penal de dimensões inéditas na História desta Corte".

Não satisfeito em desmascarar o claro acerto que há para que o processo prescreva Barbosa ainda mostrou que "atrasados são os outros". O processo do Mensalão tem 40 acusados, defendidos pelos mais caros advogados do país, todos ocupantes de cargos de grande poder no Estado Brasileiro. O processo tem mais de 49 mil páginas; 233 volumes
e 495 apensos. Os réus indicaram mais de 650 testemunhas de todo Brasil e até de outros países. Mesmo diante de todo esse trabalho, o ministro Joaquim Barbosa manteve o trâmite normal de trabalho no STF e ainda julgou inúmeras causas nesse período. Enquanto isso, seus colegas, com ações envolvendo dois ou três acusados e que foram iniciadas na mesma época; ainda sequer foram concluídas.(*)

Mais uma vez, "matou a cobra e mostrou o pau". Sem pudores e sem medo, Joaquim Barbosa expõe claramente quem está comprometido com os interesses dos corruptos e busca desculpas para justificar o injustificável. Diante de tudo isso, pelo menos para mim, fica a ideia da quase certeza em relação à prescrição do caso. Nem é preciso lembrar que um dos ministros indicados por Lula, o ministro Dias Tófolli, foi colocado ali "sob medida" para esse processo. Pois, para quem não se lembra, ele foi advogado de defesa de José Dirceu.

Pelo menos, se tudo der errado, teremos visto a coragem e o desprendimento do ministro Joaquim Barbosa dar um tapa na cara dos que tentavam imputar-lhe a culpa pela prescrição. Se o processo acabar por prescrever e não condenar ninguém; o desfecho terá sido por vontade dos ministros, sendo necessário que eles arrumem outra desculpa esfarrapada para justificar a cara-de-pau.

É como minha velha mãe dizia: "Mentira tem perna curta".

Fonte: Visão Panorâmica.

domingo, maio 9

A SAÚDE DO IDOSO

Depoimento de Arnaldo Lichtenstein (46), médico, é clínico-geral do Hospital das Clínicas e professor colaborador do Departamento de Clínica Médica da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo -USP.

"Sempre que dou aula de Clínica Médica a estudantes do quarto ano de Medicina, lanço a pergunta:Quais as causas que mais fazem o vovô ou a vovó terem confusão mental?
Alguns arriscam: "Tumor na cabeça". Eu digo: "Não".
Outros apostam: "Mal de Alzheimer" Respondo, novamente: "Não".
A cada negativa a turma se espanta. E fica ainda mais boquiaberta quando enumero os três responsáveis mais comuns: - diabetes descontrolado,- infecção urinária; e - a família passou um dia inteiro no shopping, enquanto os idosos ficaram em casa.
Parece brincadeira, mas não é.
Constantemente vovô e vovó, sem sentir sede, deixam de tomar líquidos: quando falta gente em casa para lembrá-los, desidratam-se com rapidez. A desidratação tende a ser grave e afeta todo organismo: pode causar confusão mental abrupta, queda de pressão arterial, aumento dos batimentos cardíacos ( "batedeira" ), angina(dor no peito), coma e até morte.
Insisto: não é brincadeira: na terceira idade, que começa aos 60anos, temos pouco mais de 50% de água. Portanto, os idosos têm menor reserva hídrica. Isso faz parte do processo natural de envelhecimento.
Mas há outro complicador: mesmo desidratados, eles não sentem vontade de tomar água, pois os seus mecanismos de equilíbrio interno não funcionam muito bem.
Conclusão: Idosos desidratam-se facilmente não apenas porque possuem reserva hídrica menor, mas também porque percebem menos a falta de água em seu corpo.
Mesmo que o idoso seja saudável, fica prejudicado o desempenho das reações químicas e funções de todo o seu organismo.
Por isso, aqui vão dois alertas. O primeiro é para vovós e vovôs:tornem voluntário o hábito de beber líquidos: água, sucos,chás, água-de-coco, leite. Sopa, gelatina e frutas ricas em água, como melão, melancia, abacaxi, laranja e tangerina,também funcionam. O importante é, a cada duas horas,botar algum líquido para dentro.Meu segundo alerta é para os familiares:ofereçam constantemente líquidos aos idosos.
Ao mesmo tempo, fiquem atentos: ao perceberem que estão rejeitando líquidos e, de um dia para o outro, ficam confusos, irritadiços, fora doar, atenção: é quase certo que esses sintomas sejam decorrentes de desidratação.
Líquido neles e leve-os rápido para um serviço médico".

quinta-feira, março 4

A Arte de Advogar

Multa por alta velocidade.



Uma advogada andava em alta velocidade pela cidade com seu Tucson, quando foi parado pelo guarda de trânsito.

O Guarda:- A senhora estava além da velocidade permitida, por favor a sua habilitação.
Advogada:- Está vencida.
Guarda:- O documento do carro.
Advogada:- O carro não é meu.
Guarda:- A senhora, por favor, abra o porta-luvas.
Advogada:- Não posso, tem um revólver aí que usei para roubar este carro.
Guarda (já bastante preocupado): Abra o porta-malas!
Advogada:- Nem pensar! na mala está o corpo da dona deste carro, que eu matei no assalto.
O guarda, vendo-se diante das circunstâncias , resolve chamar o Sargento.
Chegando ao local o Sargento dirige-se à advogada:
Sargento:- Habilitação e documento do carro por favor!
Advogada:- Está aqui senhor, como vê o carro está no meu nome e a habilitação está regular.
Sargento:- Abra o porta-luvas!
Advogada (tranquilamente....) : - Como vê só tem alguns papéis.
Sargento:- Abra o porta-malas!
Advogada:- Certo, aqui está... como vê, está vazio.

Sargento (constrangido): - Deve estar acontecendo algum equívoco, o meu subordinado me disse que o senhora não tinha habilitação, que não era o dona do carro pois o tinha roubado, com um revólver que estava no porta luvas, de uma mulher cujo corpo estava no porta malas.


Advogada:- Só falta agora esse sacana dizer que eu estava em alta velocidade!!!

segunda-feira, fevereiro 22

Fermento em pó vencido... o que fazer?

Da próxima vez que você pensar em jogar fora experimente na limpeza de azulejos e inox.

Misture 5 colheres de sopa de fermento em pó vencido com 1 litro de água.

Ensope uma bucha e esfregue o local. Agitando a mistura sempre que for

ensopar a bucha, e o seu banheiro e cozinha vão agradecer, a pia do banheiro

fica limpinha e todo o material de inox que você tiver no banheiro tbm.

Experimente!!!

Nunca mais vc vai jogar fermento vencido no lixo.



Eu faço a minha parte, e você?

Reciclagem e reaproveitamento de materiais

Separe o lixo, economize as reservas naturais, o mundo não está aqui apenas para servir você....

sábado, fevereiro 6

NÃO AGUENTO MAIS ESSE CALOR!

TEM 3 DIAS QUE DURMO DENTRO DO FRIZZER...........



O clima de São Paulo enlouqueceu!


O clima Mundial enlouqueceu!


Tem 43 dias que chove por aqui, ininterruptamente e olha que não é chuvinha boba não, é tempestade mesmo - raios trovões, céu carregado, resultando em terríveis inundações, desmoronamentos, afogamentos em ruas, avenidas, bueiros, rios.......


E quando chega a noite, um calor insuportável ( agora 24 graus à 1 da manhã - meu ventilador de teto me pediu um ventilador só pra ele.


Ô povo, vê se aprende, lugar de lixo é no lixo e lugar de árvore é plantadinha no seu habitat natural.


PelamordeDEUS, chega de sujeira e desmatamentos gente, ou não chegaremos nem em 2012!

LIMPE A CASA COM VINAGRE

Use esse poderoso ingrediente e livre-se de produtos perigosos

Incrível como gastamos dinheiro com produtos de limpeza, não é mesmo? Mas saiba que isso pode ser diferente.

Basta conhecer as utilidades de um ingrediente simples da cozinha: o vinagre branco.

Ele pode ser aplicado na faxina da casa. Reunimos algumas dicas de uso do vinagre na limpeza de paredes, armários e até de panelas. Além de ficar livre de produtos tóxicos, você irá eliminar odores, desinfetar e lustrar com facilidade. E por um custo bem menor do que o dos limpadores comuns.


PAREDES: faça uma solução de vinagre e água morna em partes iguais.. Aplique-a sobre riscos de lápis e marcas espalhadas pelas paredes. Esfregue o local com um pano macio até que as manchas desapareçam.

ARMÁRIOS: para eliminar o odor de mofo, esvazie os compartimentos e deixe pernoitar, dentro do móvel, uma bacia ou assadeira com vinagre branco puro. Em seguida, passe um pano embebido nesse líquido.

ODORES DE ANIMAIS: para eliminar o cheiro de urina e fezes dos bichos de estimação, remova a parte sólida dos resíduos. Em seguida, aplique uma solução de dois terços de água morna e um terço de vinagre branco. Logo depois, aplique um pouco de vinagre puro sobre o local e deixe secar naturalmente.

BANHEIRO: remova o mofo do rejunte dos azulejos aplicando uma boa quantidade de vinagre branco puro com uma escova de dente velha. Deixe-o agir por duas horas e, depois, lave a superfície com água e sabão. Para esfregar registros e as peças de louça, use uma esponja macia embebida numa solução (meio a meio) de água e vinagre.

LAVANDERIA: coloque num borrifador a mesma quantidade de água e vinagre branco. Aplique sobre manchas nas roupas antes de colocá-las na máquina. Para aumentar o poder de limpeza do seu sabão em pó, espere a máquina de lavar encher e adicione à água uma xícara de chá de vinagre puro. Depois, deixe lavar normalmente.

COZINHA: esqueceu a panela no fogo? Para retirar resíduos queimados do fundo de panelas e frigideiras, encha-as de água e adicione 4 colheres (sopa) de vinagre branco. Leve ao fogo e deixe ferver. Espere esfriar e lave normalmente. Mas há mais benefícios do vinagre na cozinha:

. para desinfetar a máquina de lavar louças, dê um ciclo de pré-lavar com uma xícara (chá) de vinagre.

. para deixar os copos de vidro brilhantes, deixe-os de molho numa bacia com água e gotas de vinagre branco. Depois, lave-os com detergente.

. para deixar o fogão novinho em folha após fazer frituras, deixe um pouco de vinagre sobre a gordura 15 minutos antes de começar a limpeza.

. para deixar a panela limpa, ferva com água e vinagre antes de lavá-la

Uma aula de direito!

Um advogado dirigia distraído quando, num sinal de PARE, passa sem parar, em frente a uma viatura do BOPE.

Ao ser mandado parar, toma uma atitude de espertalhão.

Policial: - Boa tarde. Documento do carro e habilitação.

Advogado: - Mas por que, policial?

Policial: - Não parou no sinal de PARE, ali atrás.

Advogado: - Eu diminui e como não vinha ninguém...

Policial: - Exato... Documento do carro e habilitação.

Advogado: - Você sabe qual é a diferença jurídica entre diminuir e parar?

Policial: - A diferença é que a lei diz que num sinal de PARE, deve-se parar completamente. Documento e habilitação.

Advogado: - Ou não, policial. Eu sou advogado e sei de suas limitações na interpretação de texto de lei. Proponho-lhe o seguinte: Se você conseguir me explicar a diferença legal entre diminuir e parar, eu lhe dou os documentos e você pode me multar. Senão, vou embora sem multa.

Policial: - Positivo, aceito. Pode fazer o favor de sair do veículo, Sr.

Advogado?

O advogado desce e então os integrantes do BOPE baixam o cacete, soco pra tudo quanto é lado, tapa, botinada, cassetete, cotovelada.

O advogado grita por socorro, e implora para parem pelo amor de Deus.

E o policial pergunta:

- Quer que a gente PARE ou DIMINUA?

Advogado: - PARE!...PARE!...PARE!...

Policial: - Positivo... Documento e habilitação.

quarta-feira, setembro 16

MANTA MARAVILHOSA

Achados maravilhosos na InternetCompartilho com que as amigas que gostam do que é belo e colorido.

Meu proximo trabalho, vou fazê-lo para meus amados afilhotes Ozzy e Ingo.
Parabéns Liege Antunes

segunda-feira, julho 27

TRICROCHETANDO



MEU NOVO BLOG, AONDE MOSTRAREI MEUS TRABALHOS EM TRICO, CROCHE E PATCWORK


segunda-feira, julho 20

A DIETA DO CHÁ


Lasanha... chá comigo
Salada... chá pra lá
Picanha.... chá comigo
Carne de soja... chá pra lá
Rabada... chá comigo
Peixe grelhado... chá pra lá
Feijoada... chá comigo
Sopinha... chá pra lá
Cerveja... chá comigo
Chazinho... chá pra lá
Açúcar... chá comigo
Adoçante... chá pra lá
Buteco... chá comigo
Academia... chá pra lá
Rodízio... chá comigo
Spa... chá pra lá

quinta-feira, julho 2

Uma super dica sobre o uso da laranja na culinária





Na feijoada

Siga este conselho: coloque uma laranja inteira e não descascada (lavada sim!) na dita feijoada junto com as carnes...

Realmente funciona, até parece milagre, a gordura fica toda dentro da laranja, basta cortá-la para ter a confirmação.

A laranja não modifica em nada o gosto da feijoada que fica super light!


Na linguiça frita

Ferva a água, fure a linguiça com 1 garfo, coloque a laranja na panela e depois a linguiça e....

Comprove, em 5 minutos a gordura está toda dentro da laranja!

Depois frite a linguiça e veja como está deliciosa... e a panela sem gordura...





















sábado, fevereiro 21

FEIA





Uma mulher mal-encarada, antipática e muito, muito feia, entra numa loja com duas crianças.


O gerente da loja, querendo ser gentil, pergunta para a mulher:
- São gêmeos?



A mulher, fazendo uma careta que faz com que fique ainda mais feia diz:
- Não, paspalho! O mais velho tem 9 e o mais novo tem 7 anos.




Por quê? Você, realmente, acha eles parecidos, seu idiota?


- Não..., diz o gerente:


Eu só não pude acreditar que a senhora foi comida duas vezes!!

sexta-feira, fevereiro 20

Conto de fadas para mulheres do séc. 21




Era uma vez, numa terra muito distante, uma linda princesa independente e com ótima auto-estima que, enquanto contemplava a natureza e pensava em como o maravilhoso lago do seu castelo estava de acordo com as conformidades

ecológicas, se deparou com uma rã.


Então, a rã pulou para o seu colo e disse:

-Linda princesa, eu já fui um príncipe muito bonito. Mas uma bruxa má lançou-me um encanto que me transformou nesta rã asquerosa.

Um beijo teu, no entanto, há de me transformar novamente num belo príncipe e poderemos casar e constituir um lar feliz no teu lindo castelo. A minha mãe poderia vir morar conosco e tu poderias preparar o meu jantar, lavarias as minhas roupas, criarias os nossos filhos e viveríamos felizes para sempre...


E então, naquela noite, enquanto saboreava pernas de rã à sautée,acompanhadas de um cremoso molho acebolado e de um finíssimo vinho branco, princesa sorria e pensava:

-Nem fo...den...do!


Luís Fernando Veríssimo

Subnutrido de beleza, meu cachorro-poema vai farejando poesia em tudo, pois nunca se sabe quanto tesouro andará desperdiçado por aí...
Quanto filhotinho de estrela atirado no lixo!
Mário Quintana


EM CADA CORPO DE ANIMAL, RESIDE UM ESPÍRITO IMORTAL EM EVOLUÇÃO RUMO A HUMANIZAÇÃO, ATRAVÉS DE SECULARES MILÉNIOS E INCONTÁVEIS REENCARNAÇÕES.

quinta-feira, fevereiro 19

O CÉU


Aquele casal de 85 anos estava casado já há sessenta e dois. Apesar de não serem ricos viviam bastante bem porque eram muito poupadores. Apesar da idade estavam ambos em muito boas condições físicas principalmente pela insistência dela na alimentação saudável e nas idas à academia, em especial durante a última década.


Mesmo com tão boa forma, um dia, numa das raras saídas para férias, o avião onde seguiam caiu e eles foram parar no céu.

Chegaram às portas brilhantes do céu e são Pedro veio recebê-los à porta.Levou-os até uma fantástica mansão, com móveis dourados e cortinas de finas sedas, com uma cozinha completa e uma cascata no lugar do chuveiro. Ao fundo podia ver-se uma criada a arrumar as roupas favoritas de ambos nos imensos roupeiros.

Eles olhavam para tudo atônitos quando são Pedro disse: - Bem vindos ao céu. A partir de agora, esta será a sua nova casa.


O idoso senhor perguntou a são Pedro quanto é que aquilo iria custar.

- Claro que não vai custar NADA. Isto é a sua recompensa no céu.

O homem então olhou pela janela e viu um campo de golfe que não tinha comparação com nada, do melhor, feito na Terra...- Qual é o preço da utilização? - gemeu o idoso homem.

- Isto é o céu - replicou são Pedro. - Você pode jogar de graça, sempre que quiser.No dia seguinte foram almoçar ao salão e depararam-se com um almoço estonteante, com as mais inimagináveis especialidades gastronômicas, desde mariscos até as melhores carnes e sobremesas, tudo acompanhado dos melhores vinhos e bebidas.- Nem me pergunte nada - disse são Pedro ao homem. - Isto é o céu. É tudo de graça.


O idoso senhor olhou em volta nervosamente e fixou o olhar na esposa.

- Bem, onde é que estão as comidas de baixo teor de gordura e colesterol e o chá descafeinado? - perguntou ele.

- É a melhor parte - atalhou são Pedro. - Vocês podem comer e beber o que quer que seja que gostem sem se preocuparem em ficarem gordos ou doentes. Eu já disse: isto é o céu!

O idoso ainda perguntou:- Nem é preciso ir à academia?

- A menos que vocês queiram - foi a resposta de são Pedro.

- Nem testes de açúcar, nem medições de pressão, de colesterol, nem...

- Nunca mais. Vocês estão aqui para se divertirem e aproveitarem.

O idoso olhou bem de frente para a sua esposa e disse: -

Você e a merda da sua comida saudável... Já podíamos estar aqui há dez anos!

sexta-feira, fevereiro 13

LUNA E INGO CHEGARAM

PARA ALEGRAR O CORAÇÃO DA GENTE!

terça-feira, dezembro 16


Eu me dei conta de que cada vez que um dos meus cachorros parte, ele leva um pedaço do meu coração com ele. Cada vez que um cachorro novo entra na minha vida, ele me abençoa com um pedaço do coração dele. Se eu viver uma vida bem longa, com sorte, todas as partes do meu coração serão de cachorro, então eu me tornarei tão generosa e cheia de amor como eles.

segunda-feira, novembro 3

Halloween - Você sabe o que é isto?



por Patricia Fox



Ao contrário do que muitas pessoas imaginam, o Hallowe’en não é somente um americanismo ou uma data comercial. Suas origens se perdem nas brumas do tempo e indicam um período de grande espiritualidade e magia. Costumo dizer em meus cursos e palestras que por trás da linguagem dos homens ouve-se a voz dos deuses. Do mesmo modo, muitas práticas e costumes de nossas sociedades podem revelar – se soubermos procurar – conceitos interessantes de espiritualidades ancestrais.

Tal é o caso do Hallowe’en – conhecido em português como Dia das Bruxas.

Em primeiro lugar, o que significa a palavra Hallowe’en?

Ela é o resultado da contração de três palavras em inglês: All Hallows’ Evening, ou seja, a véspera de Todos os Santos, uma data (1º de Novembro) criada pela igreja cristã para honrar todos os santos.

O mesmo calendário cristão tem no dia seguinte – 2 de Novembro – o Dia dos Mortos ou Dia de Finados, criado nos primeiros séculos do cristianismo para honrar e homenagear nossos ancestrais já falecidos.

Originalmente celebrado em meados de Março, o dia dos Mortos foi posteriormente transferido pela igreja para a atual data. Contudo, por trás dessas datas cristãs existe uma rica história que nos remete ao passado, mais precisamente à época dos celtas, esse fascinante e importante povo que viveu por todo o continente europeu e deixa até hoje um importante legado cultural e espiritual para o ocidente.

Origens Celtas Uma das mais marcantes características da espiritualidade celta – também conhecida como druidismo – é a sua conexão com a Natureza. Para os celtas, tudo no universo é vivo e, portanto, sagrado. Animais, árvores, ventos, a chuva, os rios e lagos, as montanhas – tudo possui dentro de si uma energia vital, uma alma, que interage com as demais criaturas num balé de celebração da vida. A compreensão prática dos ciclos sazonais, fundamental para uma sociedade dedicada à agricultura e à criação de animais como a celta, levou ao desenvolvimento de uma filosofia para a qual todos os estágios dessa ciclicidade têm igual importância: primavera, verão, outono e inverno são respectivamente os períodos de nascimento, apogeu, declínio e morte.

O mesmo padrão pode ser encontrado num dia – aurora, meio-dia, poente e noite – e em nossas próprias vidas bem como na de todas as criaturas. No Hemisfério Norte, onde as estações são invertidas com relação às nossas no Sul, o mês de Novembro marca a aproximação do inverno, um período em que a paisagem temperada da Europa mostra um recolhimento das forças vitais – árvores que desfolham, animais que migram ou hibernam, solo que não produz. Para os celtas, isso não é negativo: o inverno – tal qual a noite - é o período de repouso, de recolhimento, de introspecção. Essa introspecção punha os indivíduos em contato com suas origens, com sua família, com sua comunidade, através do fortalecimento dos laços de amizade e parentesco, e isso era marcado por uma celebração que até hoje dá nome ao mês de Novembro no idioma irlandês: Samhain.

Nessa data, os celtas entravam em contato com seus ancestrais mortos e com os deuses, pedindo-lhes inspiração e proteção para suportar os desafios trazidos pelos gelados frios do inverno, e isso era feito numa bela celebração em que os laços familiares e comunitários eram estreitados em honra aos ancestrais comuns e aos deuses e deusas da natureza.

Com a cristianização da Europa a espiritualidade celta entrou em declínio suplantada pela nova religião. A perseguição imposta pela igreja levou os seguidores da ancestral religião celta a serem vistos como contrários ao cristianismo, bruxos – daí a denominação em português de Dia das Bruxas. Sobrevivência Contudo, tamanha é a força e o apelo da vigorosa espiritualidade celta que seus temas foram preservados, ainda que distorcidos, nas práticas cristãs. Assim, diante do apego da população do oeste europeu em honrar seus mortos naquela data, a igreja se viu obrigada a adotá-la e adequá-la ao seu calendário, originando o dia de Finados cristão. E como na mesma data os celtas também entravam em comunhão com seus deuses e deusas, o cristianismo trouxe para praticamente a mesma data o seu Dia de Todos os Santos (muitos santos e santas cristãos na verdade são adaptações de deuses e deusas ancestrais, como Sta. Brígida, por exemplo – originalmente a poderosa deusa celta Brighid).

Como se vê, o Hallowe’en é muito mais do que fantasias e brincadeiras para crianças; a compreensão da dimensão sagrada do Hallowe’en – desde sua origem celta passando pela influência cristã – nos inspira a nos conectarmos às nossas origens - honrando nossos ancestrais - e também a divinizarmos nossas vidas, através do contato com o mundo sagrado de deuses e santos.

sexta-feira, outubro 24



A Lua
Quando ela roda
É Nova!
Crescente ou Meia
A Lua!
É Cheia!
E quando ela roda
Minguante e Meia

Depois é Lua novamente

Quando ela roda
É Nova!
Crescente ou Meia
A Lua!
É Cheia!
E quando ela roda
Minguante e Meia
Depois é Lua-Nova

Mente quem diz
Que a Lua é velha

Mente quem diz!






quinta-feira, outubro 16

O milagre de Dona Marta


por Noblat/O Globo

Nunca antes na história deste país os mais destacados blogueiros haviam falado a mesma língua, defendido o mesmo ponto de vista e investido na mesma direção. Pois isso ocorreu ontem - e talvez jamais se repita. Credite-se a proeza a Marta Suplicy, candidata do PT à prefeita de São Paulo, e ao comercial de sua campanha que perguntou sobre a condição civil de Gilberto Kassab (DEM).
De Ricardo Kostcho, ex-porta-voz do governo Lula:
"Pensei que este tempo de levar a campanha eleitoral para a lama, quando as pesquisas mostram um cenário desfavorável, tivesse ficado para trás e nunca mais eu fosse obrigado a escrever sobre este esgoto da política que, na falta de argumentos, parte para atacar a vida pessoal do adversário.
(...) "É casado? Tem filhos?" O que quis dizer a campanha de Marta ao ficar martelando estas perguntas sobre a vida de Gilberto Kassab? Por acaso tem algum eleitor em São Paulo que não saiba que o atual prefeito candidato à reeleição é solteiro e não tem filhos?
Qual é o problema? O que isso tem a ver com a decisão dos eleitores na hora de votar para escolher o candidato ou a candidata que considerem melhor para administrar a cidade?"
De Rosane de Oliveira, colunista do jornal Zero Hora, de Porto Alegre:
"Que fim levou aquela Marta Suplicy que conhecemos defendendo as minorias? A sexóloga sem preconceitos? A mulher que fez do casamento entre homossexuais (ou união civil) uma das suas bandeira?
A perspectiva de perder a eleição no segundo turno (está 17 pontos percentuais atrás do adversário na pesquisa do Datafolha) transformou aquela Marta numa candidata que apela para o que sempre condenou: a exploração da vida pessoal do adversário. Pior, com insinuações que nada têm a ver com a capacidade de Gilberto Kassab (DEM) para administrar uma metrópole complicada como São Paulo".
De Reinaldo Azevedo na VEJA online:
"Caberia ao DEM indagar se, quando Marta namorou aquele argentino pela primeira vez, já havia rompido formalmente o casamento com Eduardo Suplicy? Eu acho que não. Eis aí. Eis o PT que diz combater preconceitos. Eis o PT de Lula, que ele diz ser alvo de discriminação. "
De Kennedy Alencar na Folha Online:
"Comercial político do PT paulistano indaga se o prefeito Gilberto Kassab (DEM) é casado e se tem filhos. Ora, qual a relevância disso para quem é candidato? Qual a importância para administrar a maior cidade do país se ele é casado, solteiro, viúvo, tico-tico no fubá?"
De Gilberto Dimenstein na Folha Online:
"Não sei o que fica pior: ela [Marta] ser a responsável ou dizer que não sabia que algo tão grave iria para o ar e, depois, defender a baixaria. Só posso entender o fato pelo desespero de quem vê a eleição escorrer pelas mãos.
Ficaria muito melhor para a biografia dela (uma biografia que considero respeitável) pedir simplesmente desculpas. Se ela vencer a eleição na base desse tipo de impropriedade, pode ganhar mas, de verdade, perdeu."
De Cristiana Lobo no G1:
"Não pegou nada bem para Marta o tom de seu programa na estréia do horário eleitoral na televisão. Os eleitores de Marta usam como defesa de sua candidata exatamente aquilo que se imaginava que ela era: uma mulher moderna, de cabeça aberta, alguém que sempre frequentou as paradas gays em São Paulo, defensora do casamento entre pessoas do mesmo sexo. E, de repente, aparece outra Marta. Com insinuações sobre a sexualidade alheia".
De Josias de Souza no UOL:
"O curioso é que a própria Marta, quando trocou o senador Suplicy pelo argentino Favre, foi vítima de odiosas insinuações. Pena que o desespero momentâneo a tenha desnudado. Lamentável que o flerte com a derrota a tenha conduzido para a sarjeta eleitoral."
De Lauro Jardim na VEJA online:
"Num programa que já virou histórico pelo grau de apelação, insinuação e baixaria, um locutor pergunta ao paulistano, tendo ao fundo uma foto de Kassab: 'É casado? Tem filhos?'. Em seguida, aconselha: 'Para decidir certo, é preciso conhecer bem'.
De Fábio Campana:
"Kassab é solteiro. Marta insinua. Diz que a população tem o direito de saber se ele é casado e tem filhos. Logo a Marta, sexóloga, primeira mulher a tratar do assunto abertamente na TV e sempre avessa à esse tipo de questionamento.
De Pedro Dória:
"Marta não tem o direito de fazer uma insinuação assim tão grosseira. Não ela, que tem histórico de lutar pela igualdade de direitos entre homossexuais e heterossexuais. (...) Parece dizer: às favas os princípios, o que vale é vencer.
(...) O argumento (cínico) para justificar um ataque desses é que o eleitor tem o direito de saber tudo sobre seu candidato. Mas isso não é verdade. Não é da conta do eleitor quantas vezes Marta pulou a cerca quando era casada com Eduardo, ou vice-versa. Não importa ao eleitor que jogos eróticos lhes agradavam ou desagradavam. Houve o tempo em que considerava- se que perder a virgindade dizia algo a respeito do caráter de uma mulher solteira. Pois opção sexual não diz rigorosamente nada a respeito do caráter, bom ou mau, de Gilberto Kassab."
De Daniel Piza, no site do jornal O Estadão de S. Paulo:
"Uma coisa, porém, já é extremamente lamentável nesta campanha de segundo turno: o tom pessoal da propaganda de TV petista, que entre outras coisas pergunta se Kassab é casado e tem filhos. E daí se tem ou não? Lula sofreu com a história de Miriam Cordeiro em 1989 e a própria Marta com a de Luis Favre em 2000. Que use o mesmo expediente não deixa de ser sinal dos maus tempos".
De Guilherme Fiuza no site da revista ÉPOCA:
"A sexóloga está insinuando que o prefeito de São Paulo é gay. Faz isso no mesmo discurso em que o acusa de ligação com Celso Pitta, processado por corrupção. Para a Marta de hoje, homossexualismo e desonestidade estão do mesmo lado.
A vida é assim, as pessoas mudam seus credos. Não há mal nenhum nisso.
Mas o esclarecimento é importante. Na próxima vez que Marta recomendar a você que relaxe e goze, não vá interpretando ao pé da letra. Confira primeiro a sua situação conjugal."



http://oglobo. globo.com/ pais/noblat/ post.asp? cod_post= 132702

http://www.gifothon.com/signatures/resultat/?v=0&i=4fdbdf6c&d=0&





terça-feira, outubro 14

Oração do Cão Idoso




Minha vida, dura apenas uma parte de sua vida.
Qualquer separação de você, significa sofrimento para mim.
Pense nisso antes de me adotar.

Tenha paciência e me dê um tempo para que eu possa compreender o que você espera de mim.
Você também nem sempre entende exatamente as coisas que eu espero de você.

Deposite sua confiança em mim, pois eu vivo disso e vou compensá-lo por isso mais do que ninguém.

Nunca guarde rancor de mim ou me prenda de castigo, se eu aprontar alguma, você tem amigos além de mim, tem seu trabalho e seu lazer, mas eu só tenho você.

Converse comigo, eu não entendo todas as palavras, mas me faz bem ouvir sua voz falando só para mim.

Pense bem como você, seus amigos e visitas me tratam!
Eu jamais esquecerei.

Também pense que quando você quiser me bater, eu poderia quebrar todos os ossos da sua mão, mas eu não lanço mão deste recurso.

Se alguma vez você não estiver satisfeito comigo porque estou de mau humor, preguiçoso ou desobediente, pense que talvez minha comida não esteja me fazendo bem, ou que meu coração já esteja um pouco cansado e fraco.

Por favor,tenha compreensão comigo quando eu envelhecer.
Não pense logo em me abandonar para adotar um cãozinho novo e bonitinho.
Você também envelhece.

E, quando chegar meu último e mais difícil momento, pois será o momento da partida, fique comigo.
Não diga: não posso ver isso.
Com a sua presença tudo será mais fácil para mim.
A fidelidade de toda a minha vida de cachorro valeu a pena.



quarta-feira, setembro 24

A Fascinante Metrópole São Paulo

na visão de Washington Olivetto

Alguns dos meus queridos amigos cariocas têm mania de achar São Paulo parecida com Nova York. Discordo deles. Só acha São Paulo parecida com Nova York quem não conhece bem a cidade. Ou melhor, quem a conhece superficialmente e imagina que São Paulo seja apenas uma imensa Rua Oscar Freire. Na verdade, o grande fascínio de São Paulo é parecer-se com muitas cidades ao mesmo tempo e, por isso mesmo, não se parecer com nenhuma. São Paulo, entre muitas outras parecenças, se parece com Paris no Largo do Arouche, Salvador na Estação do Brás, Tóquio na Liberdade, Roma ao lado do Teatro Municipal, Munique em Santo Amaro, Lisboa no Paris, com o Soho londrino na Vila Madalena e com a pernambucana Olinda na Freguesia do Ó. São Paulo é um somatório de qualidades e defeitos, alegrias e tristezas, festejos e tragédias. Tem hotéis de luxo, como o Fasano, o Emiliano e o L'Hotel, mas também tem gente dormindo embaixo das pontes. Tem o deslumbrante pôr-do-sol do Alto de Pinheiros e a exuberante vegetação da Cantareira, mas também tem o ar mais poluído do país. Promove shows dos Rolling Stones e do U2, mas também promove acidentes como o da cratera do metrô e o do avião da TAM em Congonhas. São Paulo é sempre surpreendente. Um grupo de meia dúzia de paulistanos significa um italiano, um japonês, um baiano, um chinês, um curitibano e um alemão. São Paulo é realmente curiosa. Por exemplo: tem diversos grandes times de futebol, sendo que um deles leva o nome da própria cidade e recebeu o apelido 'o mais querido'. Mas, na verdade, o maior e o mais querido é o Corinthians, que tem nome inglês, fica perto da Portuguesa e foi fundado por italianos, igualzinho ao seu inimigo de estimação, o Palmeiras. São Paulo nasceu dos santos padres jesuítas, em 1554, mas chegou a 2007 tendo como celebridade o permissivo Oscar Maroni, do afamado Bahamas. São Paulo já foi chamada de 'o túmulo do samba' por Vinicius de Moraes, coisa que Adoniran Barbosa, Paulo Vanzolini e Germano Mathias provaram não ser verdade, e, apesar da deselegância discreta de suas meninas, corretamente constatada por Caetano Veloso, produziu chiques, como Dener Pamplona de Abreu e Gloria Kalil. São Paulo faz pizzas melhores que as de Nápoles, sushis melhores que os de Tóquio, lagareiras melhores que as de Lisboa e pastéis de feira melhores que os de Paris, até porque em Paris não existem pastéis, muito menos os de feira. Em alguns momentos, São Paulo se acha o máximo, em outros um horror. Nenhum lugar do planeta é tão maniqueísta. São Paulo teve o bom senso de imitar os botequins cariocas, e agora são os cariocas que andam imitando as suas imitações paulistanas. São Paulo teve o mau senso de ser a primeira cidade brasileira a importar a CowParade, uma colonizada e pavorosa manifestação de subarte urbana, e agora o Rio faz o mesmo. São Paulo se poluiu visualmente com a Cow Parade, mas se despoluiu com o Projeto Cidade Limpa. Agora tem de começar urgentemente a despoluir o Tietê para valer, coisa que os ingleses já provaram ser perfeitamente possível com o Tâmisa. Mesmo despoluindo o Tietê, mantendo a cidade limpa, purificando o ar, organizando o mobiliário urbano, regulamentando os projetos arquitetônicos, diminuindo as invasões sonoras e melhorando o tráfego, São Paulo jamais será uma cidade belíssima. Porque a beleza de São Paulo não é fruto da mamãe natureza, é fruto do trabalho do homem. Reside, principalmente, nas inúmeras oportunidades que a cidade oferece, no clima de excitação permanente, na mescla de raças e classes sociais. São Paulo é a cidade em que a democratização da beleza, fenômeno gerado pela miscigenação, melhor se manifesta. São Paulo é uma cidade em que o corpo e as mãos do homem trabalharam direitinho, coisa que se reconhece observando as meninas que circulam pelas ruas. E se confirma analisando obras como o Pátio do Colégio (local de fundação da cidade), a Estação da Luz (onde hoje fica o Museu da Língua Portuguesa), o Mosteiro de São Bento, a Oca, no Parque do Ibirapuera, o Terraço Itália, a Avenida Paulista, o Sesc Pompéia, o palacete Vila Penteado, o Masp, o Memorial da América Latina, a Santa Casa de Misericórdia, a Pinacoteca e mais uma infinidade de lugares desta cidade que não pode parar, até porque tem mais carros do que estacionamentos. São Paulo não é geograficamente linda, não tem mares azuis, areias brancas nem montanhas recortadas. Nossa surfista mais famosa é a Bruna, e nossos alpinistas, na maioria, são sociais. Mas, mesmo se levarmos o julgamento para o quesito das belezas naturais, São Paulo se dá mundialmente muito bem por uma razão tecnicamente comprovada. Entre as maiores cidades do mundo, como Tóquio, Nova York e Cidade do México, em matéria de proximidade da beleza, São Paulo é, disparado, a melhor. Porque é a única que fica a apenas 45 minutos de vôo do Rio de Janeiro. O mais importante é que com essa distância nenhuma bala perdida pode alcançar São Paulo !

Washington Olivetto é paulista, paulistano e publicitário

sexta-feira, setembro 19

Acordei hoje com tal nostalgia de ser feliz.
Eu nunca fui livre na minha vida inteira.
Por dentro eu sempre me persegui.
Eu me tornei intolerável para mim mesma.
Vivo numa dualidade dilacerante.
Eu tenho uma aparente liberdade
mas estou presa dentro de mim.
Eu queria uma liberdade olímpica.
Mas essa liberdade só é concedida aos seres imateriais.
Enquanto eu tiver corpo, ele me submeterá às suas exigências.
Vejo a liberdade como uma forma de beleza
e essa beleza me falta.
Clarice Lispector

segunda-feira, setembro 15

"Às vezes é melhor ficar quieto e deixar que pensem que você é um idiota, do que abrir a boca e não deixar nenhuma dúvida."

sábado, agosto 30

A Importância da Vírgula

Sobre a Vírgula

1. Vírgula pode ser uma pausa... ou não.
Não, espere.
Não espere.

2. Ela pode sumir com seu dinheiro.
23,4.
2,34.

3. Pode ser autoritária.
Aceito, obrigado.
Aceito obrigado.

4. Pode criar heróis.
Isso só, ele resolve.
Isso só ele resolve.

5. E vilões.
Esse, juiz, é corrupto.
Esse juiz é corrupto.

6. Ela pode ser a solução.
Vamos perder, nada foi resolvido.
Vamos perder nada, foi resolvido.

7. A vírgula muda uma opinião.
Não queremos saber.
Não, queremos saber.

Quer ver como uma vírgula muda tudo?

Faça o teste: AONDE VOCÊ COLOCARIA A VÍRGULA NO TEXTO ABAIXO?

"SE O HOMEM SOUBESSE O VALOR QUE TEM A MULHER ANDARIA DE

QUATRO À SUA PROCURA."

- Se você for mulher, certamente colocou a vírgula depois de MULHER.

- Se você for homem, colocou a vírgula depois de TEM.

quinta-feira, agosto 28

NEUROGINÁSTICA - AFASTE O ALZHEIMER


foto: blog.uncovering.org/archives/uploads/2007/070...

Ginástica para o cérebro:
Trocar de mão para escovar os dentes é bom para o cérebro.
O simples gesto de trocar de mão para escovar os dentes, contrariando a rotina e obrigando à estimulação do cérebro, é uma nova técnica para melhorar a concentração, treinando a criatividade e inteligência e, assim, realizando um exercício de NEURÓBICA.
Uma descoberta dentro da Neuro ciência vem revelar que o cérebro mantém a capacidade extraordinária de crescer e mudar o padrão de suas conexões.
Os autores desta descoberta, Lawrence Katz e Manning Rubin (2000), revelam que NEURÓBICA, a 'aeróbica dos neurônios', é uma nova forma de exercício cerebral projetada para manter o cérebro ágil e saudável, criando novos e diferentes padrões de atividades dos neurônios em seu cérebro.
Cerca de 80% do nosso dia-a-dia é ocupado por rotinas que, apesar de terem a vantagem de reduzir o esforço intelectual, escondem um efeito perverso: limitam o cérebro.
Para contrariar essa tendência, é necessário praticar exercícios 'cerebrais' que fazem as pessoas pensarem somente no que estão fazendo, concentrando-se na tarefa.
O desafio da NEURÓBICA é fazer tudo aquilo que contraria as rotinas, obrigando o cérebro a um trabalho adicional...

Tente fazer um teste:
- use o relógio de pulso no braço direito;
- escove os dentes com a mão contrária da de costume;
- ande pela casa de trás para frente; (na China o pessoal treina isso num parque);
- vista-se de olhos fechados;
- estimule o paladar, coma coisas diferentes;
- veja fotos de cabeça para baixo;
- veja as horas num espelho;
- faça um novo caminho para ir ao trabalho;
A proposta é mudar o comportamento rotineiro.
Tente, faça alguma coisa diferente com seu outro lado e estimule o seu cérebro.
Vale a pena tentar!
Que tal começar a praticar agora, trocando o mouse de lado?

Leia mais http://drauziovarella.ig.com.br/artigos/alzheimer_especial.asp

domingo, agosto 10

Dia Das Mais! (As Mães/Pais)


Ah... se os filhos soubessem como é importante a companhia deles, assim, sem hora marcada, sem a obrigação das datas especiais como Dia das Mães, Aniversário ou Natal ...

Ah... se soubessem como é gratificante saber que esse nosso caso de amor é pra sempre, é recíproco e sem cobranças, que partilhar algumas horas do dia em sua companhia nos faz vitoriosas, felizes, nos dando a concreta certeza que demos o melhor de nós mesmas para que as asas lhes crescessem e pudessem alçar o voo da dignidade e sabedoria, que estes momentos valem muito mais do que um presente caro, como um perfume francês ou uma viagem internacional..

Ah... esses nossos filhos têm muito que aprender e apreender da vida em que, muitas vezes temos que carregar o peso inglorioso das agruras absolutamente sozinhas, dependendo apenas da força das mãos e da própria coragem...

Talvez com a chegada dos próprios filhos deles, quem sabe não se tornarão mais presentes, participativos e emotivos como eu, assim, nesse exato momento...


Depois de 15 anos de casado, descobri uma nova maneira de manter viva a chama do amor.

Há pouco tempo decidi sair com outra mulher. Na realidade foi ideia da minha esposa.

- Você sabe que a ama! - disse-me minha esposa um dia, pegando-me de surpresa. A vida é muito curta, você deve dedicar especial tempo a essa mulher...

- Mas, eu te amo - protestei à minha mulher.

- Eu sei. Mas, você também a ama. Tenho certeza disto.

A outra mulher, a quem minha esposa queria que eu visitasse, era minha mãe, que vivia sozinha há muitos anos, mas as exigências do meu trabalho e de meus 3 filhos, faziam com que eu a visitasse ocasionalmente.

Essa noite, a convidei para jantar e ir ao cinema.

- O que é que você tem? Você está bem? - perguntou-me ela, após o convite (minha mãe é o tipo de mulher que acredita que uma chamada tarde da noite, ou um convite surpresa é indício de más notícias).

- Pensei que seria agradável passar algum tempo com você - respondi a ela.

- Só nós dois; o que acha? Ela refletiu por um momento.

- Me agradaria muitíssimo - disse ela sorrindo.

Depois de alguns dias, estava dirigindo para pegá-la depois do trabalho, estava um tanto nervoso, era o nervosismo que antecede a um primeiro encontro... E que coisa interessante, pude notar que ela também estava muito emocionada. Esperava-me na porta com seu casaco, havia feito um novo corte de cabelo e usava o vestido com que celebrou seu último aniversário de bodas. Seu rosto sorria e irradiava luz como um anjo.

- Eu disse a minhas amigas que ia sair com você, e ficaram muito impressionadas. Comentou enquanto subia no carro. Fomos a um restaurante não muito elegante, mas, sim, aconchegante, minha mãe se agarrou ao meu braço como se fosse 'a primeira dama'.

Quando nos sentamos, tive que ler para ela o menu. Seus olhos só enxergavam grandes figuras. Quando estava pela metade das entradas, levantei os olhos; mamãe estava sentada do outro lado da mesa, e me olhava fixamente. Um sorriso nostálgico se delineava nos seus lábios.

- Era eu quem lia o menu quando você era pequeno - disse-me. - Então é hora de relaxar e me permitir devolver o favor - respondi.

Durante o jantar tivemos uma agradável conversa; nada extraordinário, só colocando em dia a vida um para o outro. Falamos tanto que perdemos o horário do cinema.

- Sairei com você outra vez, mas só se me deixar fazer o convite disse minha mãe quando a levei para casa. E eu concordei.

- Como foi o seu encontro? - quis saber minha esposa quando cheguei naquela noite. - Muito agradável... Muito mais do que imaginei...

Dias mais tarde minha mãe faleceu de um enfarte fulminante, tudo foi tão rápido, não pude fazer nada. Depois de algum tempo recebi um envelope com cópia de um cheque do restaurante de onde havíamos jantado minha mãe e eu, e uma nota que dizia:

'O jantar que teríamos paguei antecipado, estava quase certa de que poderia não estar ali, por isso paguei um jantar para você e para sua esposa. Você jamais poderá entender o que aquela noite significou para mim. Te amo'.

Nesse momento compreendi a importância de dizer a tempo: 'TE AMO' e de dar a nossos entes queridos o espaço que merecem. Nada na vida será mais importante que Deus e as pessoas que você ama, dedique tempo a eles, porque eles não podem esperar.



É preciso amar as pessoas como se não houvesse amanhã...'(Renato Russo)
<

sábado, agosto 9

O SHOW DA ABERTURA DOS JOGOS OLÍMPICOS NA CHINA

Fonte http://herlkeson.blogspot.com/2008/08/fotos-de-abertura-dos-jogos-olimpicos.html


Ontem assisti em total deslumbramento o espetáculo idealizado e personificado pelos chineses de olhinhos rasgados e pequenos, mas de uma visão ampla, estrastosférica, que vislumbra além, muito além do horizonte.

Que foi aquilo meu Deus? Que Magnifico, que esplendoroso, que estupendo!

Confesso que fui uma atleta que viveu no seu tempo errado.

Gostava de vestir o meu tênis, prender meus cabelos num rabo de cavalo e partir para o confronto.

Lutava pelas medalhas que não eram de bronze, prata ou ouro - eram de um metal dourado, baratinho mesmo, mas que pra mim significavam muito: a recompensa pela minha dedicação e esforço.

Saía de casa cedinho, escuro ainda, e seguia para a ACM na Nestor Pestana para o curso de Saltos Ornamentais na piscina aquecida. Depois seguia a pé para o trabalho - um escritório que ficava bem próximo e à noite, antes do cursinho, voltava ao clube para treinar. Jogava Volley e Basket Ball e ainda praticava natação e ginástica. Antes da ACM, menina ainda, já havia participado de vários torneios pela escola. Mas foi lá pelos 17 anos que passei a me dedicar com maior afinco ao esporte. Ganhei campeonatos de ginástica rítmica e Saltos e tenho guardadas entre meus tesouros, as medalhas já não tão amarelas e os Certificados de Participação nos jogos.

Mas aquele não era meu tempo, não tinha recursos para me dedicar unicamente ao esporte. Tinha que trabalhar duro para pagar o Cursinho e a Faculdade que viria depois, mas mesmo assim dedicava todo o tempo livre para as atividades desportivas. Apesar de gostar e participar de muitas modalidades, acredito que teria me saído muito bem na natação. Os professores diziam que eu devia participar de campeonatos e me dedicar mais a esse esporte pois tinha vitalidade, técnica e velocidade nos movimentos. Ah, bem que eu gostaria mesmo..... mas há 30 anos atrás não havia tanto empenho das autoridades e acredito que mesmo hoje, ainda há muita dificuldade em se conseguir patrocínio que ampare e de condições a esses nossos heróis.
É não deu! Mas não me tornei uma ex-atleta frustrada não.
Gosto de acompanhar os esportes pela TV e em época de Pan, Olimpíada e Copa do Mundo eu viro madrugadas acordada para assistir aos jogos e exibições. E torço muito, e grito, e choro com o Hino Nacional cantado com emoção pela seleção brasileira (impossível não lembrar do nosso Airton Senna, o nosso grande campeão que dava aulas de civilidade, algo tão em desuso pelos brasileiros, especialmente os que circulam no centro do poder, em Brasília). Vibro com os saltos magníficos das nossas ginastas que parecem flutuar como uma fada dos contos da minha infância, de tão suaves, de tão ágeis, de tão encantadoras; com a beleza e disciplina das meninas do nado sincronizado; com a força e agilidade dos ginastas masculinos que extrapolam as leis da gravidade, pairando alguns segundos no ar como se tivessem asas transparentes que lhe dessem sustentabilidade para tal - vc já viu Diego Hipólito, nosso grande medalhista, quando faz o triplo, flutua suspenso em milésimos de segundos e cai deitado, levantando-se num único salto?
Me pergunto como pode isso?
Pode!
Pode sim, com muito empenho, com muita luta e com muito amor pelo esporte e por um País que deveria investir muito mais nessa juventude.
O esporte é saudável e agregador. Quanto mais se investe e se divulga nesse setor, mais crianças e jovens se interessarão em praticar uma modalidade que os agrade e quem sabe, se tornar um grande desportista e mesmo que não se torne um campeão de medalhas, certamente será um vencedor por não ter percorridos outros tortos caminhos como de muitos que vivem nas ruas em delito, custeados pelo trafico e pelo crime.
Acorda Brasil! Acordem Autoridades!
Desempenhem com civilidade o que esperamos de vocês: Respeito e amparo aos nossos pequenos, oferecendo-lhes estudo, saúde e ESPORTE!

terça-feira, julho 29

Livrammi di tutto il male. Amen

quinta-feira, junho 12

Quando você não gosta de uma pessoa é apenas rancor.
É um problema que você tem consigo mesmo.
Quando você não quer que ninguém goste daquela pessoa aí é inveja mesmo.
É um problema que você tem com ela.
Quando você não gosta de uma pessoa, não quer que ninguém goste dela e ainda tenta convencer seus admiradores de que ela não vale a pena, aí já é uma patologia grave.
Você queria SER ela e ter os amigos e admiradores que ela tem.
Ou seja, você tem um problema consigo mesmo, com ela e com o mundo!
Rosana Hermann
Interessante e verdadeiro esse pensamento! É para ler, reler e guardar para, vez em quando, oferecer àquele ou àquela infeliz criatura que respira á tua sombra e cuja maior preocupação é se alimentar das sobras do seu dia.
Não há nada mais triste e desolador do que ser vítima da inveja, da cobiça, da traição. Você chega a sentir o olhar gelado e o sorriso forçado, mesmo que de costas para a pessoa portadora da pior doença que pode habitar a alma do ser humano: A INVEJA1!
Ela passa a vida engolindo veneno na esperança que você morra!
Sai pra lá olho gordo, bororó bororó bororó!!!